Este Natal siga o conselho da Andreia Rodrigues

Faça como a Andreia e este Natal ofereça um livro e ajude no desenvolvimento do projeto “Café com Vida” da Associação VilacomVida.

A Porto Editora, por cada livro vendido numa seleção de excelência de 90 livros da sua coleção infantil-juvenil, doará 1€ para a Associação VilacomVida, para a execução do plano de formação de jovens com perturbação ligeira do desenvolvimento intelectual (Trissomia 21, perturbações espectro do autismo, entre outras situações de défice cognitivo ligeiro).

Veja o video da Andreia aqui https://m.facebook.com/story.php?story_fbid=2013347702036062&id=102948379742680

Comprar é fácil. Compre aqui em wook.pt

No comments
wb_gestaoEste Natal siga o conselho da Andreia Rodrigues
Ler mais

Porto Editora dedica Natal a jovens com PLDI

A iniciativa Natal Solidário 2018 da Porto Editora associa-se este ano à SIC Esperança e apoia o projeto de vida autónoma da VilacomVida.

Tendo como madrinha a conhecida apresentadora Andreia Rodrigues, a campanha com a SIC Esperança vai apoiar jovens com Perturbação Ligeira do Desenvolvimento Intelectual (PLDI) no âmbito do projeto “CafécomVida“, da associação VilacomVida, que assenta na abertura de um espaço comercial moderno, atual e inclusivo para criar emprego remunerado para indivíduos com PLDI.

Para além de proporcionar a primeira experiência de trabalho a estes jovens, o projeto contempla também um calendário semanal de atividades terapêuticas ocupacionais.

Para esta campanha, a Porto Editora selecionou 90 títulos do seu nosso catálogo infantojuvenil – de autores como Álvaro Magalhães, Valter Hugo Mãe ou David Walliams – que estarão identificados nas melhores livrarias com um autocolante alusivo à campanha.

Por cada livro vendido é doado 1€ a favor do crescimento deste projeto.

Faça também parte deste Natal Solidário. COMPRE UM LIVRO E OFEREÇA DOIS PRESENTES.

Assista aqui à entrevista na SIC.

 

Estes são alguns livros que pode oferecer neste natal .. e em cuja compra estará a contribuir com 1€ para o projeto piloto de vida autónoma.

No comments
wb_gestaoPorto Editora dedica Natal a jovens com PLDI
Ler mais

Go4Travel aposta na integração de pessoas com Perturbações de Desenvolvimento Intelectual

A Go4Travel está a preparar um protocolo com a Associação VilacomVida para integrar nas suas empresas pessoas com Perturbações Ligeiras do Desenvolvimento Intelectual (PLDI), nomeadamente Trissomia 21, Perturbações do Espectro do Autismo, entre outras.

A Go4Travel, que já durante a sua convenção em Coimbra incluiu pessoas com PLDI na receção aos participantes e está a procurar sensibilizar os seus acionistas para a integração destas pessoas.

“É possível tê-las a trabalhar connosco e os ganhos são gigantes. Não só para as crianças e para os jovens que entram no mercado de trabalho, como sobretudo para as próprias empresas”, salientou Tiago Rodrigues, do Conselho de Administração da Go4Travel, em conferência de imprensa durante a Summit 4 Travel, este fim-de-semana, em Coimbra.

João Matias, presidente do grupo, por sua vez, frisou que “o setor do turismo – seja em permanência nas empresas ou nos eventos, operações para empresas, incoming, receções, reuniões – tem um potencial enorme para fazer alguma coisa neste âmbito”.

“Há muitos ângulos para pôr estas pessoas a trabalhar connosco e acreditamos que, desde que haja esta consciencialização e que não haja receio, é um projeto que vai funcionar lindamente”, concluiu João Matias.

PRESSTOUR

Agência de Notícias de Viagens & Turismo

No comments
wb_gestaoGo4Travel aposta na integração de pessoas com Perturbações de Desenvolvimento Intelectual
Ler mais

Café-escola premiado pelo Banco Santander Totta

O projeto-piloto da VilacomVida foi premiado com uma menção honrosa no valor de 3.000€, por ocasião da primeira edição do concurso Donativo Participativo, promovido pelo Banco Santander Totta na gala de entrega de prémios que decorreu no passado dia 11 na sede do banco, em Lisboa.

Foram apresentadas 146 candidaturas e eleitos 15 finalistas, selecionados pelos colaboradores do Banco em Portugal.

Agradecemos ao Banco Santander Totta e a todas as pessoas que votaram no nosso projeto, a confiança depositada pelo futuro positivo das Gerações Autónomas.

No comments
wb_gestaoCafé-escola premiado pelo Banco Santander Totta
Ler mais

Somos CAVI – Centro de Apoio à Vida Independente

É com grande entusiasmo que informamos que a Associação VilacomVida foi reconhecida como Centro de Apoio à Vida Independente (CAVI). Isto significa que, no âmbito da nossa missão – a promoção da inclusão social e vida autónoma de pessoas com perturbação ligeira do desenvolvimento intelectual – seremos uma estrutura que colocará em prática o Modelo de Apoio à Vida Independente (MAVI).

Este modelo assenta na disponibilização de assistência pessoal a pessoas com deficiência ou incapacidade para a realização de atividades de vida diária, ou seja, que necessitam de apoio para prosseguir a sua vida de forma independente.

De acordo com o n.o 3, do artigo 174 do RE_ISE, conjugado com o n.o 2 do artigo 3.o do Decreto-Lei n.o 129/2017, de 9 de outubro, são potenciais beneficiários deste programa:

a) As Pessoas com deficiência certificada por Atestado Médico de Incapacidade Multiuso ou Cartão de Deficiente das Forças Armadas, com grau de incapacidade igual ou superior a 60% e idade igual ou superior a 16 anos.

b) As pessoas com deficiência intelectual, as pessoas com doença mental e as pessoas com Perturbação do Espetro do Autismo (PEA), com idade igual ou superior a 16 anos podem ser destinatárias de assistência pessoal, independentemente do grau de incapacidade que possuam.

c) As pessoas com deficiência com idade igual ou superior a 16 anos que se encontrem abrangidas pela escolaridade obrigatória apenas podem beneficiar de assistência pessoal fora das atividades escolares.

d) Os maiores declarados interditos podem beneficiar de assistência pessoal devendo ser assegurada a sua participação ativa no processo da formação da vontade e na efetivação das decisões, sem prejuízo do regime legal das incapacidades e respetivo suprimento.

Se corresponde a qualquer um destes perfis ou conhece alguém que possa estar interessado em beneficiar deste programa, envie por favor um e-mail para info@vilacomvida.pt indicando o seu contacto. Será contactado em breve pela nossa equipa.

No comments
wb_gestaoSomos CAVI – Centro de Apoio à Vida Independente
Ler mais

Painel em “direto” no Observador

Com a moderação da nossa grande jornalista/ cronista/ apresentadora Laurinda Alves, a Associação VilacomVida esteve presente no painel em direto promovido pelo Observador, onde se abordaram várias temáticas e novas formas de envolver a Comunidade – no nosso caso – através do tema da inclusão social.

Este convite representou mais um grande passo para a Associação, por se tratar de uma oportunidade de divulgar o nosso projeto e o que pretendemos fazer pelas Gerações Autónomas e sobretudo uma grande honra, por nos sentarmos junto de pessoas que muito têm feito na área da inovação social.

O nosso obrigado ao Observador e ao Santander Totta  por tão honroso convite para este painel de prestígio, onde partilhamos parte da nossa estratégia de envolvimento da Comunidade sob o tema da diferença cognitiva e o nosso projeto-piloto – “Café-escola”.

Ler artigo completo.

Assista ao painel.

No comments
wb_gestaoPainel em “direto” no Observador
Ler mais

1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas

No dia 17 de maio de 2018 realizou-se o 1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas no Auditório Sra. da Boa Nova no Estoril.

Foi uma noite mágica em todos os sentidos, onde se juntaram artistas de grande coração e talento alinhados em palco por uma mesma causa: a vida autónoma, feliz e realizada de tantos jovens com défice cognitivo ligeiro mas cheios de capacidades e que tanta gente ainda desconhece.

Antes do concerto tivemos a oportunidade de dar a conhecer ao vivo o nosso projeto-piloto, que replicámos no bar do Auditório e onde alguns destes jovens e o fantástico público presente experienciaram este conceito de autonomia que queremos implementar.

Este projeto-piloto, que estamos a promover em parceria com outras instituições (BIPP, Semear, DejaLu, APPT21 e Diferenças – Centro de Desenvolvimento), é um programa 360º com o objetivo de criar oportunidades de formação, de aprendizagem, de desenvolvimento e de empregabilidade destes jovens, num espaço central da vila ou da cidade e bem perto de todos nós.

Contámos ainda com a presença de alguns stands que aproveitaram este momento para também eles apresentarem os respetivos projetos: Livro e blog Tomás my Special Baby, o livro Miguel & Sinatra, as malas feitas de capulanas africanas da Matiti Bag, os livros já lidos da DejaLu, o BIPP e o projeto Semear.

O cartaz reuniu a presença incomparável de Tozé Brito com as suas letras intemporais, Peu Madureira no fado, Isabel Novella que trouxe o calor africano para o palco, Mimi Froes que interpretou “Imagine” dos Beatles, duas surpresas maravilhosas, Tiago Bettencourt e João Pedro Pais aos quais não podemos deixar de agradecer. Contámos ainda com Pedro Vaz, músico, produtor e compositor que, por esta causa, compôs o hino da Associação VilacomVida, cantado pela voz de Carolina Leite e cuja letra é sua. Agradecemos também a Jaime Santiago, também ele ligado a causas sociais e ao Martim Simões de Almeida com a sua jovialidade e carisma em palco. Terminamos a noite com Miguel Ângelo, que dispensa apresentações, e que cantou a “Baía de Cascais” e “Um lugar ao sol”, que tanto precisam estas futuras gerações autónomas.

Muito obrigada a todos os que incondicionalmente nos deram a mão: à Laurinda Alves que abraçou esta causa, às instituições que nos ajudaram a tornar este evento possível, aos amigos, aos conhecidos e aos que não conhecíamos e que passámos a conhecer, aos que não víamos há muito mas que logo se prontificaram a ajudar, acima de qualquer expectativa, tal qual o são as nossas Gerações Autónomas.

Veja a galeria de fotos, saiba todos os detalhes sobre o 1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas.

No comments
wb_gestao1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas
Ler mais

Agora Nós: VilacomVida na RTP1

No dia 17 de maio, estivemos no programa Agora Nós, na RTP1, para apresentar a Associação VilacomVida e o seu projeto-piloto, horas antes do 1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas.

Filipa Pinto Coelho, Presidente da Associação VilacomVida, explicou como surge este projeto, que nasceu pela iniciativa e convite da Dra. Eulália Calado, neuropediatra reconhecida, que sempre acreditou no potencial dos jovens com défice cognitivo ligeiro e com muitas capacidades para explorar.

Infelizmente muitos destes jovens, quando terminam o seu percurso escolar, ficam em casa porque não “existe ainda uma resposta estruturada” da sociedade no que respeita à sua integração profissional, explicou Filipa Pinto Coelho.

Este concerto tem por objetivo a angariação de fundos para lançar uma solução possível para estes casos. trata-se de um projeto pioneiro de vida autónoma para os jovens com défice cognitivo ligeiro mas que têm capacidade de autonomia” – um “Café-escola”.

Trata-se de um projeto de empreendedorismo social que visa criar pontes entre várias Associações, algumas já parceiras da Associação, e tem como objetivo formar, empregar e ainda ajudar a criar oportunidades de trabalho para estes jovens.

Veja toda a entrevista aqui (min.40)

No comments
wb_gestaoAgora Nós: VilacomVida na RTP1
Ler mais

VilacomVida na SIC Mulher, Faz Sentido

No dia 15 de maio, Dia Internacional da Família, a Associação VilacomVida esteve na SIC Mulher no programa Faz Sentido para falar sobre o 1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas, que se realizou no dia 17 de maio de 2018.

Pelas palavras de Filipa Pinto Coelho, Presidente da Associação VilacomVida, “este concerto tem por objetivo a angariação de fundos para lançar um projeto pioneiro de vida autónoma – um “Café-escola” – para os jovens com défice cognitivo ligeiro mas que têm capacidade de autonomia”.

Trata-se de um projeto de empreendedorismo social que visa criar pontes entre várias Associações, algumas já parceiras da Associação, e tem como objetivo formar, empregar e ainda ajudar a criar oportunidades de trabalho para estes jovens.

Mas este café não se limita a ser um espaço onde se pretende empregar os jovens com perturbação ligeira do desenvolvimento intelectual (PLDI). Pretende-se que seja também um projeto de inclusão, onde se desenvolvem atividades para crianças e jovens da comunidade sem perturbações cognitivas, porque, trazendo os jovens com PLDI para o centro da vida de todos nós, proporciona-se uma troca de experiências, desmistificam-se preconceitos e podemos começar a “perder o medo por aquilo que desconhecemos”.

Veja toda a entrevista aqui.

No comments
wb_gestaoVilacomVida na SIC Mulher, Faz Sentido
Ler mais

VilacomVida apresenta projeto piloto na SIC Notícias

Com o objetivo de angariar fundos para o lançamento do primeiro “Café-escola”, realiza-se, depois de amanhã, no Estoril, o 1.º Concerto Solidário pelas Gerações Autónomas.

Este “Café-escola” é um projeto-piloto para a formação de jovens com perturbação ligeira do desenvolvimento intelectual, criando condições para um emprego com futuro e para que um dia estes jovens possam ter a sua própria casa. Filipa Pinto Coelho, da Associação VilacomVida, esteve na Edição da Manhã.

Assista ao direto aqui.

No comments
wb_gestaoVilacomVida apresenta projeto piloto na SIC Notícias
Ler mais