A mais-valia da Inclusão: Projeto CookiescomVida na cozinha do Chakall

De Maio a Junho a equipa das CookiescomVida teve a possibilidade de desenvolver o seu trabalho no restaurante El Bulo Social Club, by Chakall. Potenciar a ação das Cookies num parceiro convida à transformação individual e coletiva, tanto da equipa, como junto dos trabalhadores e clientes da empresa. Uma evidência clara na visão da VilacomVida, mas que gostamos sempre de contar e partilhar.

Para os nossos super-heróis, ter a hipótese de trabalhar numa cozinha industrial, e ao mesmo tempo, partilhar o mesmo espaço com a restante equipa do El Bulo foi convite para nos transformarmos, tanto a nível individual como a nível coletivo.

Foi um convite para partilharmos os nossos talentos e – ao partilharmos o mesmo espaço – potenciar a entreajuda, e fazer parte da diferença. Foi um convite para nos sentirmos mais motivados, mais cooperativos, e no final do dia, foi também um convite a transformar o/a cliente, o empregado/a mesa e o ajudante de cozinha.

O Cozinheiro Nando, disse-nos: ”Por um lado, foi bom para os jovens terem a oportunidade de trabalhar numa cozinha a sério.  Mas eu passava todos os dias junto de vocês e gostava de saber o que estavam a fazer e gostava de os ouvir a explicarem…porque me motivava! Nem sempre estamos a 100%, e por vezes não estamos tão bem. Sabia que ao passar por eles tinha de estar bem. Às vezes estava zangado ou triste e passava por lá … e o meu espírito mudava logo. O olhar deles, a educação, a constante motivação e alegria, estavam sempre prontos para oferecerem sorriso e ajuda. Assim motivavam-me e saia de lá com um sorriso. Na verdade, gostava que tivéssemos mais oportunidades destas. (…)  Motivação é a palavra que define esta experiência”. Desta forma o Cozinheiro Nando, na despedida, não resistiu e propôs continuar de alguma forma esta partilha e assim vai estar novamente com a equipa das CookiescomVida e ensinar-lhes uma das suas especialidades!

A Gerente Enrica Pezzi recorda o primeiro dia “Entraram aqui calados e muito envergonhados, e a importância que deram de estar num restaurante aberto ao público, foi muito emocionante.  Consegui aperceber-me, neste tempo, da mudança que cada um teve: cada dia via-os a sentirem-se mais confortáveis, muito organizados. Foi muito bom.  A discrição de cada um, a educação, a simpatia, a forma de estar e trabalharem, a organização… e ver trabalharem sempre com tanto entusiasmo… cativa!

Esta transformação reflete-se também em casa dos jovens e uma mãe refere “A minha filha está mais comunicativa. Está feliz. Ela comunica mais, canta em casa, nota-se uma diferença muito grande. Já tira a roupa da máquina de lavar sozinha. Ter uma rotina é essencial.”

Quanto aos nossos super-heróis, o facto de verem outros elementos a trabalharem, de conhecerem outras pessoas que também estavam a trabalhar no mesmo local, verem clientes e os pedidos a serem feitos, foi muito enriquecedor. A presente experiência potenciou a consolidação de aprendizagens associadas ao saber estar, saber ser num contexto real de trabalho e acima de tudo, promoveu interações construtivas, a entreajuda e a partilha.

Tanto assim foi que os nossos jovens repetiram “Quando receber o meu ordenado vou querer jantar aqui com a minha família e pagar o jantar”.

Obrigado a toda à equipa El Bulo Social Club, by Chakall!

Voltaremos sempre e que seja sempre para celebrar o primeiro ordenado das próximas gerações autónomas 😉

No comments
wb_gestaoA mais-valia da Inclusão: Projeto CookiescomVida na cozinha do Chakall